Marvin Jouno apresenta na semana de francofonia

(Fonte: http://www.marvinjouno.com/images/ECARD_01b.jpg)

     Na última quinta-feira, durante a semana de francofonia, o CCBB trouxe à Brasília o cantor francês Marvin Jouno. O trabalho de Marvin é uma mistura entre a música e o cinema, e o resultado disso foi o média-metragem: Intérier Nuit, exibido no dia, seguido de um debate e o show.
     O primeiro albúm do artista pop, que faz parte do média-metragem, foi lançado em 2016, com onze músicas. A história dos personagens transmite uma ideia de romance impossível, trazida também com as cenas do filme.
     Já o filme foi produzido na Georgia. Ele optou pelo local por gostar bastante do leste europeu, e afirmar que o lugar torna a filmagem atemporal. Por ter sido feito após o albúm, as cenas foram produzidas acompanhando a letra.
     Marvin afirma que, mesmo com o média-metragem e sua experiência nas duas áreas, cinema e música são levadas a sério, mas comumente são feitas de forma separada.
     Eu particularmente apreciei bastante o trabalho de Marvin. Normalmente não me simpatizo com romances, principalmente os impossíveis; porém, a afinidade com a obra foi além da história, a melodia, toda a cenografia do vídeo, enfim, a produção em sua totalidade me agradou muito. Além do mais, o show foi bastante aprazível para todos, Marvin transmitiu o que desejava da melhor forma no palco, juntamente com o pianista que o acompanhou (quem já leu outros posts sabe que eu amo piano haha).

Dans l'étang




Les Chers Leaders




Quitte à me quitter




Fonte: http://culturabancodobrasil.com.br/portal/distrito-federal



     

Comentários

Postagens mais visitadas